top of page
aviation capa do site_edited.jpg

Blog eAviation

Fique por dentro dos assuntos mais técnicos relacionados à

Aviação!

Uma breve história da aerodinâmica.

A história da aerodinâmica pode ser dividida em três fases principais:

Fase inicial (até o século XVIII)

Os primeiros estudos sobre a interação dos gases com os corpos datam da Antiguidade. O filósofo grego Arquimedes, por exemplo, estudou o empuxo, uma força que atua sobre um corpo imerso em um fluido. No entanto, esses estudos eram mais empíricos do que científicos.

No século XVI, o matemático italiano Leonardo da Vinci realizou uma série de estudos sobre a aerodinâmica, incluindo o desenho de diversos tipos de aeronaves. No entanto, seus estudos não foram publicados em vida e, portanto, não tiveram grande impacto na ciência.

No século XVII, o físico francês Blaise Pascal desenvolveu a lei de Pascal, que relaciona a pressão e a velocidade de um fluido em um recipiente fechado. Essa lei foi fundamental para o desenvolvimento da aerodinâmica.


Fase clássica (século XVIII a início do século XX)

No século XVIII, o matemático e físico suíço Daniel Bernoulli desenvolveu o princípio de Bernoulli, que relaciona a pressão, a densidade e a velocidade de um fluido. Esse princípio é fundamental para o cálculo da sustentação aerodinâmica.

No século XIX, o físico britânico George Cayley desenvolveu as bases da aerodinâmica moderna. Ele foi o primeiro a identificar as quatro forças aerodinâmicas do voo: peso, sustentação, arrasto e empuxo.

No início do século XX, o desenvolvimento da aviação comercial e militar impulsionou os estudos da aerodinâmica. Os engenheiros aeronáuticos desenvolveram novas técnicas para projetar aeronaves mais eficientes e seguras.


Fase moderna (início do século XX até o presente)

No século XX, os estudos da aerodinâmica foram marcados por avanços significativos. Os engenheiros aeronáuticos desenvolveram novos métodos para calcular a aerodinâmica de aeronaves, incluindo o método dos elementos finitos.

A partir da década de 1950, os estudos da aerodinâmica começaram a ser aplicados a outras áreas, como o design de carros, pontes e edifícios.

No século XXI, os avanços da computação e da simulação computacional permitiram aos engenheiros aeronáuticos desenvolver aeronaves mais eficientes e seguras.


Alguns dos principais avanços da aerodinâmica ao longo da história incluem:

  • O desenvolvimento do princípio de Bernoulli, no século XVIII, que fornece uma base para o cálculo da sustentação aerodinâmica.

  • A identificação das quatro forças aerodinâmicas do voo, por George Cayley, no século XIX.

  • O desenvolvimento de novas técnicas para projetar aeronaves mais eficientes e seguras, no início do século XX.

  • O desenvolvimento de novos métodos para calcular a aerodinâmica de aeronaves, no século XX.

  • A aplicação dos estudos da aerodinâmica a outras áreas, a partir da década de 1950.

  • Os avanços da computação e da simulação computacional, no século XXI.

A aerodinâmica é uma área da ciência que está em constante evolução. Os avanços da aerodinâmica têm permitido o desenvolvimento de novas tecnologias, como aeronaves mais eficientes e seguras, carros mais rápidos e edifícios mais resistentes ao vento.



11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page